Display braile Celta em funcionamento

Apresentação

Este site objetiva trazer informações para a difusão e utilização do resultado de um projeto intitulado Sistema de célula tátil para leitura braille, elaborado pela equipe da Secretaria Geral de Educação a Distância (SEaD) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). O projeto obteve apoio financeiro da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), por meio do edital nº 3/2018 – Ferramentas de acessibilidade (Processo: 88887.185276/2018-00)

Como resultado do projeto, tem-se os seguintes elementos:

  • Desenvolvimento de um hardware e software para a leitura braille (display braille), nomeados por nós como Celta (Célula tátil).
  • Disponibilização de modo livre de toda a documentação necessária para a replicação do hardware e do software.
  • Elaboração de manuais (site, e-book, vídeos etc.) com instruções para a replicação.
  • Elaboração de material de divulgação, contextualização e esclarecimento sobre a utilização e aplicabilidade do Celta.

Informações preambulares

CELTA: Sistema de célula tátil para leitura Braille

Glauber Santiago, Clarissa Bengtson, Douglas Pino, Cristian Pendenza, Juan Santos e Vanessa Mariotto.

Equipe do Projeto

Glauber Santiago (Coordenador do projeto)

Clarissa Bengtson

Douglas Pino

Cristian Pendenza

Juan Santos

Nadia Perez Pino

Rafaela Marchetti

Meire Moreira Cordeiro

Vanessa Onody


UFSCar - Universidade Federal de São Carlos

Reitora

Profa. Dra. Wanda Hoffmann

Vice-Reitor

Prof. Dr. Walter Libardi

Secretaria Geral de Educação a Distância

Marilde dos Santos

A imagem principal do site apresenta uma fotografia de um aparelho (o Celta). Tem o formato de um paralelepípedo com 13 cm de frente, 11 cm de lado e 6 cm de altura. A estrutura da caixa é de material plástico de cor branca. Na tampa da caixa, na parte esquerda, abaixo, estão localizados dois botões de apertar e, alinhados ao centro deste botão, existe uma célula braille. Os botões e o corpo da célula são de cor preta. Ao centro da célula constam 6 pequenos pontos de cor branca. A tampa da caixa é fixada por dois parafusos, um na esquerda e outro na direita. Os seguintes dizeres estão inscritos da tampa: 5v, usb e Celta. Eles estão escritos em braille e também entalhados na tampa. Além disso, existem dois traços alinhados, um com o “5v” e o outro com o “usb” e mais duas setas, próximas aos botões, indicando respectivamente para a esquerda e para a direita.

Em primeiro lugar, gostaríamos de agradecer à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), que financiou o projeto (Sistema de célula tátil para leitura braille: 88887.185276/2018-00) por meio do Edital nº 3/2018 - Ferramentas de acessibilidade. Agradecemos ainda às equipes de Desenvolvimento, de TI, de Acessibilidade e de Editoração, da Secretaria Geral de Educação a Distância da UFSCar. Sem o apoio dos membros destas equipes, este projeto não poderia ser concebido ou realizado. Este agradecimento se estende à SEaD como um todo, representada pela professora Marilde Santos, por incentivar e amparar esta iniciativa. Somos gratos também ao Curso de Especialização em Educação e Tecnologias da UFSCar, pelo apoio que forneceu em momentos difíceis do projeto, e ainda à Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico (FAI), à Pró-reitoria de Extensão (ProEx), à Pró-Reitoria de Administração (ProAd), ao Departamento de Artes e Comunicação (DAC) e à Secretaria de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (SAADE) da UFSCar. Por fim, somos gratos ao colaborador Luiz Flávio Bravo pelo apoio que forneceu à SEaD durante os anos que esteve conosco. Sem ele dificilmente haveríamos idealizado este empreendimento.